chapada diamantina

Nosso Projeto é Sem Fins Lucrativos. Entenda.

Mas, Eduardinho, o que acontece depois que eu alcanço a liberdade financeira? É o fim da linha?

Com certeza, é o fim de uma extensa trilha. Mas o que você encontrará lá nada mais é do que o começo de várias outras trilhas, que você poderá escolher e seguir.

Você poderá continuar fazendo o que já faz, mas também terá a oportunidade de escolher outros caminhos (até rentáveis, não se sabe), caminhos que hoje se encontram “bloqueados” para você, justamente por sua necessidade de ganhar dinheiro.

A minha frase abaixo significa justamente a necessidade de desbloquear toda a potência de transformação do mundo que você leva consigo, mas que está adormecida por viver no “mundo das necessidades”:

“Vou tornar a busca por dinheiro uma mera fase da sua vida”.

Toda essa capacidade de transformação não vem à tona de repente, mas gradativamente, na medida em que você vai soltando seus grilhões. Eu, por exemplo, tenho uma lista enorme de desejos (vários deles permanecem adiados, mas não por motivos financeiros). Veja:

  • Dar a volta ao mundo de bicicleta (adiado porque tenho filho pequeno e não suporto uma semana longe dele – adiar sonhos é um exercício de disciplina);
  • Escrever alguns livros e ler vários outros (lia muito antes de iniciar o Projeto Carteira Rica – agora escrevo muito mais textos do que leio – preciso parar e escrever um livro, que já está desenhado “na mente”);
  • “Retornar às origens”. Inclui morar na roça em um local pacato e lúdico – já me mudei de Belo Horizonte para o interior. Esse foi o primeiro passo, mas faltam vários outros.
  • Desejo de fundar uma ONG de preservação ambiental. É nesse ponto que meus projetos se convergem, preste atenção! Agora eu explico.

Antes, dá só uma espiada aqui no meu sonho de consumo (não é exatamente essa casa, mas é nessa linha):

sonho de consumo

Minhas rendas:

Renda 1: Como eu tenho comentado, meus rendimentos financeiros já ultrapassam, com sobra, minhas despesas. Se você nos acompanha, deve conhecer os detalhes de como construí isso em cerca de 10 anos de trabalho e poupança.

Renda 2: A renda do meu trabalho (vulgo salário, remuneração), é toda para poupar, não precisa ser tocada (só é manejada para adquirir ativos) e será descartada em, no máximo, 2020.

Renda 3: Além disso eu tenho (tinha, até out/2017) uma renda extra, proveniente do meu projeto de educação financeira. Esse aqui mesmo, o Carteira Rica.

 

A decisão

Estudando a minha situação financeira atual e, inclusive para tornar coerente o que prego e o que faço, decidi destinar toda a renda online que possuo (e não é pouca) para o projeto de preservação ambiental. Poder abrir mão de bens ou rendas dá uma sensação nova, diferente de tudo a que fomos acostumados.

Por esse motivo, a partir de outubro/2017, nenhuma receita do projeto Carteira Rica vai para o meu bolso, todas as receitas (líquidas dos gastos para obtê-las, como servidores, anúncios, remuneração de colaboradores) são destinadas a uma ONG chamada Associação Projeto Perezoso (CNPJ: 15.834.565/0001-41).

Por que uma ONG precisa de dinheiro? Justamente para sair do papel e executar as atividades para as quais foi criada.

A vontade de criar essa ONG não era nova em mim. Na verdade, no papel, ela já existe desde 2012, mas nunca sobrava tempo e dinheiro para iniciar as atividades. Agora chegou a hora de isso acontecer e a única maneira de uma ONG acontecer (pode não ser a única, creio que haja ONGs sem recursos, mas é a maneira como o Projeto Perezoso acontecerá) é tendo recursos para isso.

 

Alguns Detalhes do Projeto

Qual o plano de trabalho para a Associação?

  1. Aquisição de terras parcialmente preservadas, parcialmente degradadas;
  2. Reflorestamento e preservação da área degradada;
  3. Construção de sede para receber visitantes (estudantes e adultos) e difusão de temas relacionados à preservação ambiental.

Quando o Projeto iniciará efetivamente suas atividades?

Quando tiver recursos suficientes para aquisição do terreno. O reflorestamento pode ser iniciado ainda que não haja sede construída. Mas a difusão de conhecimento ecológico e o recebimento de visitas requerem a construção de uma sede.

O Projeto tem alguma orientação religiosa?

Definitivamente, não. O projeto é baseado nas lições da permacultura. Leia mais sobre o assunto.

Isso é alguma jogada de marketing? Você só quer minha empatia?

Veja, esse é um projeto pessoal meu. Eu já iria realizá-lo com recursos próprios, apenas estou compartilhando com o nosso público esse fato. Quanto à empatia, pelo contrário, creio até que um número razoável de pessoas seja até mesmo avesso à causa ecológica. Enfim, não espero empatia, mas torço para que não ocorra a antipatia.

Como eu saberei que os recursos estão realmente sendo destinados à ONG?

Estamos avaliando sistemas que permitam uma contabilidade online, ou seja, que, pela internet (e sem senha), qualquer um possa abrir e avaliar as contas da entidade.

Como posso ajudar?

Quando o projeto estiver em fase operacional, você poderá contribuir como voluntário. Antes disso, para contribuir, basta seguir o Carteira Rica, tanto no Youtube (endereço) quanto se cadastrando abaixo em nossa lista de contatos.

 

É isso aí e nos vemos pelas estradas da vida!

author-photo
Eduardinho é Auditor da Receita Federal e educador na área de Finanças Pessoais. Criador do método Carteira Rica de enriquecimento, o autor compartilha suas dicas neste blog e vai ajudar você a transformar o modo como lidar com seus investimentos.